AOS QUE NÃO TEM PAI

Hoje, 12 de agosto de 2018, é dia dos pais, e penso que é um dia que pode trazer excelentes memórias aos que tiveram um bom pai, ou deixar um vácuo no coração dos que nem entendem o significado de paternidade, por nunca terem experimentado.

Eu tenho um pai terreno, que não mora mais comigo há uns 5 anos. Não vamos nos ver hoje por conta do trabalho dele. O parabenizei logo que acordei.

Estou lendo o livro de Mateus mais uma vez, e eu amo a maneira como Jesus apresenta ao mundo uma nova parte de Deus: Deus Pai. Se no antigo testamento, “Ele é”, no novo temos Jesus nos revelando Aba. ISSO É INCRÍVEL! Com certeza a paternidade de Deus é o que mais amo nEle, acredito que todas as outras coisas fazem sentido à partir desse amor tão constante, amor de Pai, que entregou um filho por amor à todos os outros e ainda ressuscitou o que foi morto.
Desde o ano passado tenho falado e vivido a paternidade de Deus, buscado por esse novo nível de relação, e Ele tem sido fiel. Há algumas semanas ouvi jovens pregadores falando sobre o desejo que tinham de adotarem crianças, e um deles falou “acredito que quando adotamos, entendemos o amor de Deus de uma outra forma, ainda maior”. E me lembrei dos versículos que falam sobre como DEUS NOS ADOTOU.


“…porque todos os que são guiados pelo Espírito de Deus são filhos de Deus. Pois vocês não receberam um espírito que os escravize para novamente temerem, mas receberam o Espírito que os torna filhos por adoção, por meio do qual clamamos: “Aba, Pai”. O próprio Espírito testemunha ao nosso espírito que somos filhos de Deus.”
Romanos 8:14–16

“…a fim de redimir os que estavam sob a Lei, para que recebêssemos a adoção de filhos. E, porque vocês são filhos, Deus enviou o Espírito de seu Filho ao coração de vocês, e ele clama: “Aba, Pai“.
Gálatas 4:4–6

“…E não só isso, mas nós mesmos, que temos os primeiros frutos do Espírito, gememos interiormente, esperando ansiosamente nossa adoção como filhos, a redenção do nosso corpo.” Romanos 8:23


ADOÇÃO! Lá em Colossenses 1 lemos “Ele é o primeiro filho, a revelação visível do Deus invisível…”. Jesus foi o primeiro, para que após dele todos fossem adotados por meio de seu amor demonstrado na Cruz. Ser filho de Deus é sobre IDENTIDADE, podemos estar há anos na igreja, amar a Deus, amar ao próximo, chamar Deus de pai e reconhecer sua soberania, mas nunca nos sentirmos de fato adotados.
A orfandade não é uma situação, ela é um sentimento. Uma pessoa que teve um pai presente, amoroso, mantenedor, dificilmente se sentirá órfã quando ele morrer, pois teve um referencial. E uma pessoa com pai vivo, mas que não é presente nem amoroso, pode sentir esse vácuo da orfandade. Não é sobre ter ou não ter um pai, é sobre sentir-se filho. Outro fato é que pessoas que não tiveram um bom pai terreno, tendem a não ter uma boa perspectiva da paternidade de Deus, também pela falta de referência, mas Jesus nos revela a Sua paternidade.

Então hoje, meu convite é para que todo esse sentimento de orfandade em relação ao pai terreno ou até mesmo a Deus, seja completamente preenchida por esse espírito de adoção que vem à nos através de Jesus. Não se contente em ser um bom cristão, busque ser filho, e se relacionar com Aba numa nova perspectiva de amor, confiança, cuidado, estritamente pessoal, como uma criança depende de um pai.

Pra mim, sem dúvidas a música que melhor exprime o que é a relação que Deus quer ter com seus filhos, é Intimidade do Cirilo. Tão pessoal, tão profunda, tão próxima. É o que eu quero, e é o que eu oro pra que todos tenham. Te convido a fazer dessa música sua oração de hoje.

Feliz dia dos pais ao melhor de todos.

Bjs, Ray.

me segue no instagram @rayanefrance
ou me manda um email rayanefranc@gmail.com

  • Brasiliense, 20 e poucos anos, meio comunicóloga, meio escritora, meio dançarina, e completamente apaixonada por Jesus. instagram: @rayanefrance

  • Show Comments (0)

Deixe uma resposta

You May Also Like

Anny Theyler declara a grandeza de Deus em seu single “Santo”

Composição de Junior Benelli, o single Santo foi produzido por Carlos Alberto no estúdio KMusic. “Desde o ...

Cristo Vivo apresenta Fé em Canto e novidades para o público

O ministério Cristo Vivo (Belo Horizonte) já completou 10 anos de estrada e escolheu ...