Bianca Toledo fala sobre a maledicência nas redes sociais na série sobre Os Dez Mandamentos

0

A missionária Bianca Toledo é conferencista e autora Best Seller de dois livros. Casada com o Pr Felipe Heiderich, além de mãe de José Vittório, ela é dona de uma história de ressurreição e milagre que está impactando o mundo. O ministério de Bianca Toledo avançou nos últimos anos de forma avivalista, por suas ministrações de cura física e emocional, além do ensino da Palavra e vem alcançando milhares de pessoas através das mídias sociais. 

Hoje sua Página no Facebook conta com mais de 1 milhão de curtidas e uma quantidade recordista de pessoas falando nisso, se destaca na internet. Ela cuida pessoalmente de sua página dando um toque pessoal as publicações e um ar de intimidade com seus seguidores que começam o dia com seus devocionais e somente se despedem a noite depois da leitura bíblica diária. 

O texto em destaque desta semana fala do pecado da Maledicência e faz parte da Série “Os Dez Mandamentos” criada pela autora durante a leitura do livro de Êxodo, onde para contextualizar a mensagem de êxodo 20 ela dedicou uma semana inteira para falar sobre cada um dos mandamentos. Vista a repercussão do tema tão atual e reflexão tão necessária, suas palavras foram compartilhadas entre pastores e suas igrejas com a urgência de alertar a gravidade deste hábito ignorado entre nós. 

Confira abaixo o texto dessa semana: 

Meus queridos, dediquem estes próximos minutos a Deus. Este assunto com certeza vai mexer com vocês! 

Alguma vez já disseram algo sobre você que não era verdade? 

Como você se sentiu? 

Oremos, pois hoje Deus quer nos dar cura, livramento e correção! 

Fala conosco hoje! Em nome de Jesus!> 

Pois bem, o perjúrio ou falso testemunho deliberado é uma ofensa extremamente séria, apesar de ser bastante comum. Infelizmente, apesar de totalmente contrária a natureza de Deus esta prática é muito comum entre religiosos. E uma arma fatal na mão daquele que é dominado pela língua e muitas vezes a utiliza contra aquele que amanhã poderia ser o mesmo a estender-te a mão. 

A maledicência é um câncer. Ou seja, uma célula maligna que mata o lugar onde está inserida. 

Falar da vida dos outros por si só já é inútil apesar de ser o esporte preferido de alguns, falar mentiras é a quebra de um mandamento sagrado e atrai terríveis consequências para quem assim o faz. 

Estudamos nesta ultima semana cada um dos 10 mandamentos, e ontem falamos do 8 e do 10 deixando o nono por ultimo. E por isso nele hoje coloco um certo destaque, sabendo que a igreja tem perdido muito por este pecado. 

A segunda parte do decálogo, ou seja, dos dez mandamentos, expressa que o respeito pelos direitos de outras pessoas está implícito no verdadeiro amor, pois ” o amor não pratica o mal contra o seu próximo” ( Rm 13:10). 

Os pecados mencionados nesta parte da lei roubam dos outros alguns dos bens mais preciosos. Portanto, esses mandamentos foram dados com o propósito de proteger as pessoas contra os assassinos, seus casamentos e suas famílias contra o adultério, suas propriedades contra o ladrão e, por fim, sua reputação contra o falso testemunho. 

Sem dúvida a boa reputação é um bem extremamente precioso; na verdade, ela “vale mais que grandes riquezas […], mais que prata e ouro” (Pv 22.1) 

Jesus, certamente não foi o único a sofrer nas mãos de falsas testemunhas. 

Todo ministério que atinge relevância no mundo espiritual, atingindo o território nacional e internacional sofre ataques malignos contra sua integridade ou propósito, às vezes movidos pelas mãos e línguas de pessoas que se tornam marionetes de Satanás. Outros movidas por pura perversidade e ainda carregando consigo alguns sem discernimento ou princípios sólidos e que “curtem e compartilham” irresponsavelmente informações sobre terceiros, pecando contra Deus e criminosamente atraindo para si multas e cargas maiores do que imaginam suportar. 

Deus não deseja isso ao seu povo. Ele adverte protegendo os puros, mas também tentando ensinar os impuros porque da reputação dos puros Ele cuida, e o tempo confirma. Mas a colheita dos maus é certa! 

O falso testemunho também aparece em outros contextos – na família, na vizinhança ou no local de trabalho – na forma de uma calúnia que pode incluir exageros deliberados e distorções da verdade. 

A proibição do falso testemunho se contrapõe a responsabilidade de testemunhar a verdade. Mesmo que as circunstâncias atenuantes possam justificar a chamada ” mentira branca” como alguns gostam que pensar, ou torna-la um mal menor, ainda assim ela é um mal. 

Nossa palavra deve ser reconhecida como digna de confiança e, acima de tudo, devemos dar um testemunho corajoso de nosso Senhor Jesus Cristo. E também daqueles que são seus ministros e profetas. 

LEIAM o que a carta de Tiago fala sobre isso: 

“Meus irmãos, não sejam muitos de vocês mestres, pois vocês sabem que nós, os que ensinamos, seremos julgados com maior rigor. 
Todos tropeçamos de muitas maneiras. Se alguém não tropeça no falar, tal homem é perfeito, sendo também capaz de dominar todo o seu corpo. 
Quando colocamos freios na boca dos cavalos para que eles nos obedeçam, podemos controlar o animal todo. 
Tomem também como exemplo os navios; embora sejam tão grandes e impelidos por fortes ventos, são dirigidos por um leme muito pequeno, conforme a vontade do piloto.Semelhantemente, a língua é um pequeno órgão do corpo, mas se vangloria de grandes coisas. Vejam como um grande bosque é incendiado por uma simples fagulha.Assim também, a língua é um fogo; é um mundo de iniqüidade. Colocada entre os membros do nosso corpo, contamina a pessoa por inteiro, incendeia todo o curso de sua vida, sendo ela mesma incendiada pelo inferno. 

Toda espécie de animais, aves, répteis e criaturas do mar doma-se e é domada pela espécie humana;a língua, porém, ninguém consegue domar. É um mal incontrolável, cheio de veneno mortífero. 
Com a língua bendizemos ao Senhor e Pai, e com ela amaldiçoamos os homens, feitos à semelhança de Deus. 

Da mesma boca procedem bênção e maldição. Meus irmãos, não pode ser assim! 
Acaso pode sair água doce e água amarga da mesma fonte?Meus irmãos, pode uma figueira produzir azeitonas ou uma videira, figos? Da mesma forma, uma fonte de água salgada não pode produzir água doce. 

Quem é sábio e tem entendimento entre vocês? Que o demonstre por seu bom procedimento, mediante obras praticadas com a humildade que provém da sabedoria. 
Contudo, se vocês abrigam no coração inveja amarga e ambição egoísta, não se gloriem disso, nem neguem a verdade.Esse tipo de “sabedoria” não vem do céu, mas é terrena, não é espiritual e é demoníaca. 

Pois onde há inveja e ambição egoísta, aí há confusão e toda espécie de males.” Tiago 3:1-16 

Vamos entregar esta palavra nas mãos de Deus? 

< Senhor, precisamos tanto de ti! Nos ajuda hoje mostrando o quanto temos falado demais! Nosso coração julga tão rápido e de tão longe as pessoas e logo se inflama de comentários e flechas que matam a esperança dos que nem tiveram a chance de, com olhos puros, tirar as próprias conclusões. Livra-nos da língua mentirosa e dos corações perversos. Dá a tua igreja discernimento, Em nome de Jesus, para que não destruam a si mesmos levantando-se até mesmo com fofocas e críticas perversas contra seus próprios líderes e pastores. Pai, guarda seu povo e nos ensina a perdoar os que falam sem saber. Eles realmente não sabem o que fazem. Mas aqueles que são alvo injusto de calúnia sabem que no coração dói o peso da injúria e na carne o pecado pede vingança. Mas os justos confiam na defesa que vem do céu, e com a ajuda de Deus combatem o mal com o bem. Porque a defesa vem do céu. 

A Verdade é amiga do tempo. E aqueles que caminham em justiça, sigam os passos de Jesus, que escolhia dar frutos ao invés de se justificar. Ele sabia que os salvos o reconheceriam! Louvado seja o Teu nome!!! 

Senhor cura nossos corações e enche nossos lábios de louvor! Pra Glória do Teu nome!! 
Obrigada por nos revelar sua lei esta semana com o poder da graça que nos alcançou. Te Amamos e queremos Amar mais nossos irmãos, porque destes dez mandamentos o Senhor destacou 2, Amar a Deus sobre todas as coisas e ao próximo como a si mesmo. uau! sabemos que nestes dois está a obediência de todos. Ajuda-nos! Molda-nos! Em nome de Jesus, AMÉM.> 

Queridos, guardem esta Palavra no coração e a mantenham visível por uns dias!!! Para que a mentalidade mude, é preciso meditar na palavra dia e noite!!! 

No amor de Jesus, 

Bianca Toledo 

Deixe uma resposta