Bispo Rodovalho inicia maio com palestras sobre questões de gênero

0

Era 1º. de Maio, Dia do Trabalhador. Diante de milhares de fieis, homens, reunidos no espaço Arena Hall, da igreja Sara Nossa Terra, em Brasília, o Bispo Robson Rodovalho ministrou a palavra de Deus e cantou os principais sucessos de seu CD Sara Nossa Terra, Por Favor, gravado pela Som Livre. Dois dias depois, desembarcou em São Paulo, e sua plateia era de mulheres. Ao final desta semana que se inicia hoje (06/05), serão bispos, bispas e coordenadores da igreja Sara Nossa Terra que estarão à espera de seu líder maior para, juntos, organizarem os caminhos do ministério para os próximos meses.

Explica-se. Os três eventos fazem parte do calendário anual da Sara: Congresso dos Homens, 01/05; Congresso de Mulheres, 03/05; e Reunião de Bispos, 8 a 10/05. Na versão de 2013, além dos novos temas apresentadores pelo Bispo Rodovalho e pela Bispa Lúcia, a novidade é a apresentação dos lançamentos musicais do novo CD do Bispo no momento do louvor.

Em Brasília, diante da plateia masculina, o propósito foi apresentar aos homens os fatores que roubam sua força, seus projetos e os tiram de sua missão. “A única forma de isolar esses fatores que drenam nossa energia e nos tiram do caminho de Deus é nos mantermos distantes de ambientes tóxicos, pois esses lugares diminuem a autoestima, a autoconfiança e a capacidade de produtividade dos homens”, diz Rodovalho.

Já no Congresso das Mulheres, a mensagem transmitida foi “Mulher Vencedora, Seja Feliz”. E, em uma passagem bíblica, a justificativa: “O coração alegre traz um sorriso no rosto” (Pv: 15:13).

Quanto à semana que se inicia, a ideia é reuniu, além de Bispos, também coordenadores, das mais de mil igrejas da Sara Nossa Terra espalhadas pelo Brasil, Estados Unidos e Europa. Graças à infraestrutura tecnológica hoje existente, que sempre foi uma preocupação do Bispo Rodovalho, será possível por meio de teleconferência, estar com todo esse grupo sem exigir seu deslocamento a Brasília. Recursos serão poupados, mas a organização do trabalho, obrigações para com os fieis e a igreja, serão distribuídos tão logo cada participante apresente um balanço sobre sua missão e suas necessidades.

“A prosperidade não é uma teoria, é uma verdade, mas que depende de muita fé, trabalho, dedicação e organização. Nesses encontros nós nos organizamos para seguir em frente no caminho de Jesus, o único possível”, diz Rodovalho.

Assessoria de Impresa Som Livre

Deixe uma resposta