Entrevista – Irmão Lázaro

0

Qual é a sua avaliação pelo ano de 2012 do ponto de vista artístico e ministerial?

O povo de Deus tem sido agraciado com inúmeras mudanças no cenário da música gospel. Estilos variados e abertura das igrejas para músicas que atraem os jovens tem sido a chave para essa boa mudança.

Você é um dos artistas do segmento gospel que mais participou de eventos nos últimos anos no Brasil. Para 2013 a agenda se manterá intensa?

Sim, mas me permitirei também mais intensidade com a minha família. Tenho uma filha de 1 ano e quero acompanhar o crescimento dela.

O CD “Quem Era Eu” tem sido um sucesso. As músicas têm se destacado nas rádios e junto ao público de todo o país. Fale-nos um pouco mais deste projeto.

Fico feliz, pois sei que as pessoas se interessam pela minha música. Eu canto a minha vida e acho isso maravilhoso. Só peço a Deus que minha vida continue sendo um canal de bênção para as pessoas.

Quais são as novidades que o público que curte o seu trabalho irá encontrar neste novo ano que se inicia?

Estou trabalhando para gravar alguns cd’s de mensagens e também um novo DVD.

Você tem uma vida intensa de atividades, além dos shows, produções musicais, projetos pessoais e ainda tem tempo para envolver-se num projeto de reabilitação para usuários de drogas. Conte-nos como você consegue conciliar todas estas atividades e como funciona esse projeto social?

Todas essas coisas dependem uma das outras e Deus tem me dado sabedoria para lidar com todas elas. O centro de recuperação é uma tentativa de incentivar jovens a escapar das drogas, tento ajudá-los a perceber o amor de Deus e me alegro com a recuperação de muitos.

Fonte: Som Livre Você Adora

Deixe uma resposta