Ex-apresentador da Rede Super, Roddes Valadão sofre acidente e precisa de doadores de sangue

5

O cantor Roddes Passos Valadão, ex-apresentador do extinto programa SUPER SÔNIKA, da REDE SUPER, sofreu um acidente na noite da última sexta-feira (12) e está internado na UTI do Centro Hospitalar de Santo André, em São Paulo.De acordo com informações de amigos próximos do cantor, ele sofreu fratura nas pernas, fratura exposta na bacia e descolamento do intestino. Roddes passou por uma cirurgia e precisa de doação de sangue. Apesar de estar consciente, o estado dele é grave.

O acidente aconteceu no início da noite, quando Roddes Valadão pilotava em direção ao trabalho. Segundo testemunhas, o cantor teria sido fechado por um ônibus na Avenida Prestes Maia, em frente à Fundação Santo André. Ele foi socorrido e encaminhado para o Centro Hospitalar de Santo André, onde, de acordo com amigos, passou por uma cirurgia na região do intestino que durou toda a madrugada.

A esposa do cantor, Roberta Valadão, que está grávida de 8 meses, passou a noite no hospital. O casal já tem uma filha de 3 anos. A mãe e uma irmã do cantor, que estão em Assunção, no Paraguai, devem chegar ao Brasil por volta das 21h deste sábado (13). Membros da Igreja Plenitude Cristã de Santo André, da qual Roddes faz parte, e familiares do cantor pedem orações. “O importante é orarmos como guerreiros”, pediu uma amiga de Roddes em uma rede social.

Além das orações, o cantor precisa, com urgência, de doadores de sangue. As doações devem ser feitas em nome de Roddes Passos Valadão, de segunda a sábado, das 8h às 13h, no centro Hospitalar de Santo André, localizado na Avenida João Ramalho, 326, no Centro (paralelamente à Perimetral).

ATUALIZADO:



O estado clínico do cantor e ex-apresentador da REDE SUPER, Roddes Valadão, passou de grave para gravíssimo, segundo informações de amigos próximos do cantor. Roddes será transferido, ainda nesta segunda-feira (15), do Centro Hospitalar de Santo André para a UTI do Hospital Brasil, onde receberá suporte de aparelhos e deverá passar por um tratamento de hemodiálise, já que o corpo do cantor não tem respondido às medicações e os rins pararam de funcionar. Ele está sedado e ainda precisa de doações de sangue.

Com a transferência de Roddes para nova UTI, as doações de sangue passam a ser feitas no Instituto de Oncologia e Hematologia de Santo André, localizado na Avenida dos Andradas, 444, Vila Assunção. O atendimento é realizado de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, e aos sábados, das 8h às 13h. As doações devem ser feitas em nome de Roddes Passos Valadão.

ATUALIZADO 16/07



O cantor e ex-apresentador da REDE SUPER, Roddes Valadão, continua internado em estado gravíssimo na UTI do Hospital Brasil, em Santo André (SP). De acordo com amigos do cantor, ele passaria por uma incisão no crânio na manhã desta terça-feira (16), devido a um edema cerebral identificado ontem. O tratamento de hemodiálise continua, já que os rins ainda não voltaram a funcionar. A reconstrução óssea ainda não foi realizada, pois o quadro clínico precisa ser estabilizado. Familiares e amigos do cantor aguardam a divulgação de um novo boletim médico, que deve sair hoje à tarde. Roddes está entubado e ainda precisa de doadores de sangue. Com o agravamento do quadro clínico do cantor, ele foi transferido para a UTI do Hospital Brasil na manhã de ontem.

Um novo endereço para doação de sangue foi divulgado ontem, através do perfil oficial da Igreja Plenitude Cristã no Facebook, da qual Roddes é membro.

Porém, na manhã de hoje, foi postada uma retificação com novos endereços. Sendo assim, doadores devem procurar os hospitais abaixo: 

Hospital Professor Edmundo Vasconcelos

Rua Borges Lagoa, 1450, Vila Clementino

Telefone: (11) 5080-4435

Horários de atendimento: de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, e aos sábados, das 8h às 15h

Hospital do Coração

Rua Abílio Soares, 176, Paraíso

Telefone: (11) 3053-6537

Horários de atendimento: de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h

As doações devem ser feitas em nome de Roddes Passos Valadão. Não é necessário um tipo sanguíneo específico.


Por Michelle Ferraz | Rede Super

5 Comentários

Deixe uma resposta