Graça Music assina contrato com Wander Damasceno

0

Nesta quinta-feira, dia 26/12, a Graça Music assinou contrato com Wander Damasceno, que já prepara o lançamento do primeiro projeto na Casa: o CD “Minhas Canções”, com 12 músicas escritas pelo Missionário R. R. Soares. O cantor aproveitou o dia na gravadora para conceder entrevistas para o programa “Graça Music na TV”, exibido na Rit TV, e para o jornal e a revista Show da Fé, além da Rádio Relógio.

Com lançamento previsto para janeiro, o CD “Minhas Canções na Voz de Wander Damasceno” conta com produção musical do maestro Michael Sullivan, que foi o responsável por colocar melodia nas mensagens de fé do Missionário. Entre os estilos, destaque para o louvor e adoração, com um toque de pop rock.

“Assinar com a Graça Music e gravar com Michael Sullivan é uma honra. Meu desejo é ser usado e guiado por Deus, assim como um instrumento precisa estar afinado nas mãos do músico que vai tocá-lo. As letras do Missionário R. R. Soares, que interpreto em forma de canções, são doces pregações aos ouvidos”, adianta o cantor.

Wander, que também é advogado, nasceu em um lar evangélico, no Rio de Janeiro. O gosto pela música veio de berço, já que a família Damasceno está na sétima geração que louva e serve ao Senhor. O pai do cantor, por exemplo, é maestro de coral e toca piano, órgão e acordeon.

“O louvor, até hoje, é marca registrada na família. Meu pai era bancário, mas fundou uma igreja e o quintal da minha casa se transformou em um templo. As pregações eram simples, mas havia a manifestação do poder de Deus. Lembro-me de seus assobios e hinos que cantava pela varanda afora”, destaca o cantor.

Sempre ativo na igreja, Wander gostava de participar da escola dominical e integrar projetos como coral, peças de teatro, retiro, vigílias e cultos ao ar livre. Aos 13 anos, passou a integrar o Coral Melodia, como tenor, e, em seguida, formou uma dupla sertaneja com um velho amigo.

Em 1995, fez um teste e conseguiu fazer parte da banda César & Cia, que abria os shows de uma importante emissora de rádio no Rio de Janeiro. Wander estava feliz por levar a Palavra através da música, mas a vontade de gravar um CD solo começou a arder em seu coração.

O que era apenas um sonho tornou-se realidade em 1998, quando lançou o primeiro disco solo, chamado “Venha Viver”. No ano seguinte, Wander gravou participação em uma coletânea com hinos da Harpa Cristã e as portas para o ministério musical começaram a se abrir: em 2001, foi indicado como Revelação ao Troféu Talento, considerado, na época, a maior premiação da música gospel nacional, e, pouco tempo depois, fez participação especial nos DVDs do pastor Vitorino Silva e do cantor Joe Vasconcelos.

O desejo de propagar a Palavra impulsionou Wander a se desligar do cartório onde trabalhava para cantar, gratuitamente, em igrejas de diversas cidades do País. O cantor, que é casado desde 2005 com Paula Coutinho, já morou em São Paulo e, atualmente, reside em Belo Horizonte, onde participa de um projeto que inclui música e obras sociais.

Fonte: Comunicação GMusic

Deixe uma resposta