Nota de falecimento: João Paulo Fofão

0

Quando lembro do nosso fofão João Paulo, trago a memória uma historia linda! Uma pessoa de caráter que amava a família, sempre com um sorriso no seu rosto, sempre com uma palavra que contagiava todos a sua volta, servindo e exaltando a Deus acima de todas as coisas com seu talento e o dom que o próprio Deus lhe presenteou.

Sabia de fato louvar ao Senhor e fazia do seu contrabaixo um instrumento de guerra… Deus o havia colocado ali no nosso time e tinha um propósito… Eu sabia que ele de fato era um soldado na retaguarda em que eu poderia contar para destruir com as obras do inferno por onde a gente passava. Seu jeito de ser atencioso com todos, sua alegria contagiante era algo impressionante, mesmo em tempos difíceis ele permanecia firme e confiante no seu Deus e sua alegria ninguém tirava, nem mesmo as cartas de intimidação do inimigo, nada o abalava… Fofão sempre estava sorrindo e muito feliz… Sua alegria expressava toda sua força no Senhor! Um exemplo para todos ali naquela equipe. Dos seus lábios nunca ouvi murmuração ou palavras que pudessem entristecer o Senhor… Sempre abençoando pessoas e honrando seus líderes… É, fofão foi realmente muito especial e eu me orgulho de ter conhecido e ter tido a oportunidade de caminhar muitos anos ao lado de uma pessoa incrível que me ajudou a levar a mensagem do evangelho através das canções, quantas pessoas foram restauradas, voltaram para Jesus, famílias que voltaram a sonhar… Meu Deus, tenho tantos testemunhos para contar…!

Fofão, homem segundo o coração de Deus, fez diferença no seu tempo porque havia vida e a vida em abundância de Jesus dentro dele, ele não deixou morrer enquanto viveu. Um músico que eu aprendi a amar, respeitar e honrar.

Pra sempre lembrarei de você como o baixista mais fofo do meu coração!

“A morte não é a maior perda da vida.

A maior perda da vida é o que morre dentro de nós enquanto vivemos.” (Pablo Picasso)

Jesus disse:

Joao 11:25-26

“Disse-lhe Jesus: Eu sou a ressurreição e a vida. Aquele que crê em mim ainda que morto viverá. E todo aquele que vive e crê em mim, jamais morrerá.”

Aline Barros

Deixe uma resposta