O medo que paralisa!

0

É  muito comum alguns alunos começarem a praticar atividades físicas e terem “vícios” em se movimentar da forma errada, ou até mesmo, vícios de não se movimentarem. Quando eu proponho um novo movimento, ou um desafio, o normal é que eles sintam MEDO. A tendência quando isso acontece é PARALISAREM.

Nessa caso existem dois tipos de medos. O medo do DESCONHECIDO (ou nunca experimentado), ou seja, de fazer um movimento que nunca foi experimentado, mas que o corpo é capaz de fazer, e o medo da MUDANÇA. Esse segundo é mais difícil ainda de vencer, porque precisamos abrir mão de algo que estamos acostumados para encarar uma nova realidade. E, mesmo que aquilo que nos acostumamos nos cause dor, a mudança também causa desconforto. A parte boa só vem depois, quando o corpo aprende o movimento, se fortalece e consegue realiza-lo de forma autônoma. Isso é encorajador!

Não é assim em nossa vida? Frequentemente temos medo de passar por mudanças, porque é desconfortável e temos MEDO de não conseguirmos, ou de nos machucarmos com um novo “padrão”. Normalmente porque a experiência passada foi dolorosa ou porque nos acostumamos a agir daquela forma por algum motivo, também doloroso. E também PARALISAMOS.

Alguém que anda encurvado, porque se acostumou a carregar o peso de todos, ou porque se sentia rejeitado e queria se esconder. Alguém que foi tocado de uma forma indevida e hoje não consegue se dar muito bem com a intimidade, nem física, nem emocional, e não gosta nem de se movimentar. E para mascarar o nosso medo inventamos muitas desculpas: meus músculos são encurtados (eles acabam se tornando mesmo!), eu não gosto desse movimento, é muito chato, doí, eu não consigo, eu não preciso de intimidade, eu sou forte… Se não usamos desculpas, usamos a PROCRASTINAÇÃO, que é deixar pra depois o que podemos fazer hoje. Por que deixamos pra depois? Será que é porque temos medo de não conseguir encarar esse novo “movimento”?

“No amor não há medo, antes o perfeito amor lança fora o medo; porque o amor tem consigo o castigo, e o que teme não é perfeito em amor.”

Por que o verdadeiro amor lança fora o medo? Porque Ele não traz castigo, mas segurança. O que te leva a não agir? O medo de ser castigado caso erre, ou errem com você. E isso pode acontecer! Mas o Amor de Deus traz segurança.

Sei que não é um processo fácil mas que hoje possamos pedir ao Espírito Santo que nos revele os nossos medos, que a gente tenha coragem de assumir que sentimos, e ainda, que nos permitamos a sentir e deixar ele sair. Que Ele aperfeiçoe na gente o VERDADEIRO AMOR.

Aproveita a coragem que você recebe agora de Deus e faz essa sequência de exercícios super legal que fiz pra você! E já baixa nosso Guia Prático para acelerar o metabolismo e a perda de peso no link: http://desafioft2.com.br/e-book_1/ 

Não tenha medo de não conseguir! E daí se não conseguir hoje? Amanhã você tenta de novo. Você está seguro.

Um grande Abraço!

Paloma

Artigo AnteriorUMCG LANÇA NOVO EPISÓDIO DA SÉRIE “ENSAIO ABERTO”, COM O SINGLE “PORTAS ABERTAS”, NA VOZ DE ELI SOARES
Próximo Artigo“Pra Elas” – O amor em versos e rap
Desafio FT2
O Desafio FT2 é um programa 100% online que une o que há de mais moderno e eficiente em relação a treino físico e plano nutricional. O objetivo do programa é fazer você emagrecer e definir o corpo de forma saudável, simples e consistente. O Desafio FT2 pretende lhe ensinar como ter e manter um corpo mais magro, bonito e saudável de forma rápida, prática e divertida. Aliado ao programa de treino e das orientações alimentares, promovemos afirmações positivas e encorajadoras para que você não se esqueça da importância da fé e da determinação para se atingir qualquer objetivo!!!!
Compartilhe

Deixe uma resposta